Brasil

Previdência: base exige pressa na votação

POR GBrasil | 25/11/2017
img/noticias/Previdência: base exige pressa na votação
A

A base aliada ao presidente Michel Temer (PMDB) na Câmara dos Deputados informou ao Palácio do Planalto que só haverá clima para votar o novo texto da reforma da Previdência até a primeira semana de dezembro. Causa arrepios aos parlamentares a ideia de colocar a proposta em pauta em uma data próxima ao Natal. Por ora, o texto prevê ampliar a idade mínima para 62 (mulheres) e 65 anos (homens).  

 

De acordo com a coluna Painel deste sábado, publicada no jornal Folha de S. Paulo, o governo já projeta ter entre 250 e 270 votos. São necessários 208 para aprovar a reforma. Mesmo sem número, a avaliação é a de que o governo conseguiu desenterrar a proposta, que há até poucos dias era dada como morta. Aliados do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), dizem que ele colocará o tema em votação mesmo que não haja apoio suficiente. Quem o conhece vê no gesto seu aceno mais firme ao mercado, de olho em 2018. 

 

Veja os principais tópicos da reforma da previdência:

 

- Idade mínima de aposentadoria, com a regra de transição até 2042; 62 anos para mulheres e 65 para homens (INSS e servidores); 60 para professores de ambos os sexos; 55 anos para policiais e trabalhadores em condições prejudiciais à saúde;

- Tempo mínimo de contribuição de 15 anos para segurados do INSS e de 25 anos para servidores públicos;

- Novo cálculo do valor da aposentadoria, começando de 60% para 15 anos de contribuição até 100% para 40 anos;

- Receitas previdenciárias deixam de ser submetidas à DRU (Desvinculação de Receitas da União

COMPARTILHE:

Notícias Relacionadas

Brasil 25/11/2017 Eleição custou de R$ 4,5 bilhões aos cofres públicos

Eleições deste ano só não foram mais caras que as de 2014, auge da corrupção envolvendo empreiteiras, que custaram R$5,1 bilhões.

Brasil 25/11/2017 Bolsonaro: há uma parte do governo Temer que funciona

Ministro das Cidades, Alexandre Baldy é o símbolo desta pequena parte do governo Temer que dá certo. 

Brasil 25/11/2017 Marcelo Aro tenta usar plantão no tribunal para reaver PHS

Aro perdeu o comando do partido para o goiano Eduardo Machado. Ele tenta usar plantão do TJ para atropelar juiz substituto.

Brasil 25/11/2017 Em dois dias, Baldy recebe parlamentares, prefeitos e lideranças de 15 estados

Em ritmo intenso de trabalho, o goiano e ministro das Cidades, Alexandre Baldy, atendeu, em apenas dois dias, representantes de 15 estados.

INSCREVA-SE

Cadastre seu e-mail e fique por dentro de todas as notícias do Brasil e do mundo com publicações realizadas pelos melhores jornalistas do Brasil. A plataforma inteligente do GBrasil oferece o melhor do conteúdo jornalístico exclusivo para você.

ENVIAR
Obrigado por se inscrever em nosso site. Aguarde novidades!
ACOMPANHE AS NOSSAS REDES
  • Show da Manhã - Jovem Pan-GO