Colunas e Blog

Faxineira supera depressão com trabalho e vira empresária de sucesso

POR Colunista Blog | 08/03/2017
img/noticias/Faxineira supera depressão com trabalho e vira empresária de sucesso
&

“Ser feliz é uma escolha de vida. Ninguém nasce feliz e eu escolhi ser feliz. Eu amo brincar, amo sorrir e eu amo conversar. Eu sou uma pessoa motivada 24 horas por dia”. Quem diz e aplica isso na rotina é Gorete Santos, de 54 anos, dona de uma das maiores empresas de Mato Grosso do Sul. Aos 23 anos, ela era faxineira, semianalfabeta, mãe de uma menina de 5 anos, estava grávida da segunda filha e decepcionada com o casamento.

E com tudo isso na cabeça e no coração, Gorete entrou em depressão. “Eu precisava de algo, mas não tinha informação, não tinha conhecimento, não tinha escolaridade, eu não tinha nada”. Durante tratamento para depressão, em 1987, concluiu ensino fundamental e médio em um supletivo, entrou na universidade, passou a vender lingerie e, com o dinheiro, comprou duas máquinas de costura, tecidos e passou a produzir calcinhas e sutiãs.

Gorete acredita que o segredo do sucesso das mulheres está na forma como elas se apresentam em cada situação, principalmente diante das adversidades.

“A mulher vem de uma história de muita opressão, mas tem que impor o limite, tem que exigir respeito, lutar pelos seus direitos. Se alguém se sentir ofendido, tem que pôr a boca no trombone. Tem que pedir respeito à sociedade e se respeitar muito também. Se eu me respeito, as pessoas também passam a me ver com outros olhos”, diz.

 

Ela destaca que nesta busca pela realização pessoal, a família não pode ficar em segundo plano. “Nos dias em que estiver em casa, se entregue de corpo e alma aos seus filhos, role com ele no chão, brinque com ele, ande de bicicleta, tome banho de piscina, de balde, de mangueira, aquilo que estiver à sua disposição”.

A empresária fala que o simples fato de ser mulher não torna as coisas mais ou menos complicadas, mas é preciso reconhecer a beleza das conquistas das mulheres ao longo dos anos.  "Eu tenho orgulho de dizer que sou mulher e sou mãe de duas filhas, mas muito orgulho, muito orgulho mesmo. Ser mulher é maravilhoso. Mulher é sensível, ela tem uma percepção aguçada, ela é educadora, ela gesta um filho, que é uma experiencia única e só nós mulheres sabemos o quanto é lindo este momento".

COMPARTILHE:

Notícias Relacionadas

08/03/2017 CRF-GO: pesquisa mostra ampla vantagem de Lorena Baia e Ernestina Rocha

Candidatas da Chapa 2 – Eu Amo Farmácia devem se eleger presidente e conselheira federal nas eleições da próxima semana

08/03/2017 Yeda Crusius defende Marconi para disputa ao Planato

Menções ao nome do governador goiano ganham força no contexto da construção de uma candidatura fora do eixo Sul-Sudeste

08/03/2017 DEM aborta carreira solo e volta os olhos para Alckmin

Dória não decolou nas pesquisas e Luciano Huck não deu garantas de que está mesmo disposto a ser candidato nas eleições presidenciais

08/03/2017 Mesmo condenada, Lei da Ficha Limpa não atinge candidatura de Nara Luíza

Quando presidente do CRF-GO, em 2009, Nara contratou a empresa dos próprios pais: pegou três anos de cadeia

INSCREVA-SE

Cadastre seu e-mail e fique por dentro de todas as notícias do Brasil e do mundo com publicações realizadas pelos melhores jornalistas do Brasil. A plataforma inteligente do GBrasil oferece o melhor do conteúdo jornalístico exclusivo para você.

ENVIAR
Obrigado por se inscrever em nosso site. Aguarde novidades!
ACOMPANHE AS NOSSAS REDES
  • Show da Manhã - Jovem Pan-GO