Goiás

Surreal: promotor quer impedir Procon de fiscalizar abuso dos postos de gasolina

POR Colunista GO | 10/10/2017
img/noticias/Surreal: promotor quer impedir Procon de fiscalizar abuso dos postos de gasolina
E

Em ato inédito, surreal e que envergonha a banda séria do Ministério Público de Goiás, o promotor Fernando Krebs instaurou inquérito civil público para impedir o Procon de fiscalizar, autuar e multar postos de combustível do Estado que estejam a praticar irregularidades como adulteração de gasolina, alinhamento de preços ou vazamento de bombas. 

 

A instauração de inquérito atende a pedido do Sindicato dos donos de postos de combustível, que move uma intensa batalha contra os órgãos de fiscalização. Apesar de ser o autor da ação, o GBrasil apurou que o próprio Sindiposto está surpreso com a generosidade de Krebs em defender a causa deles - já que o MP é forjado em lutas como a defesa do consumidor. 

 

Igualmente espantado está o Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de Goiás (Sindepol), que atua em parceria com o Procon na coação de abusos praticados na venda de combustível. O Sindepol não esperava, em hipótese alguma, este movimento do promotor. Restou reagir com impetração de mandado de segurança contra Krebs, protocolado na tarde desta segunda-feira. 

 

“Contraditoriamente, atuando como membro do Ministério Público, órgão que possui como um dos papéis a defesa dos direitos da coletividade, o citado promotor busca impedir que o órgão estadual de defesa do consumidor, Procon, exerça sua legítima função de fiscalizar e autuar referido segmento empresarial”, lamenta, em nota, a presidente do Sindepol, Silvana Nunes Ferreira.

 

COMPETÊNCIA

Desde que o Procon passou a atuar em parceria com a Polícia Civil em operações de fiscalização contra postos de gasolina, o Sindiposto intensificou também a sua reação. Até que, em dezembro de 2016, moveu ação judicial na 2ª vara da Fazenda Pública Estadual contra o Estado de Goiás, com objetivo de impedir que Procon fiscalizasse postos e autuasse empresários por práticas vedadas pelo Código de Defesa do Consumidor. 

 

No entanto, a Justiça negou liminarmente o pedido dos empresários e asseverou a legítima competência do Procon. 

 

Em 14 de setembro de 2017, Krebs expediu Portaria com determinação para instauração de Inquérito contra a atual superintendente do Procon e seu gerente de fiscalização, citando os mesmos argumentos que já haviam sido expostos pelo do Sindiposto na ação anterior. Ou seja: o promotor sustenta que, ao fiscalizar os postos, o Procon invade competências da Agência Nacional de Petróleo (ANP), do Inmetro e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Alega, ao final, que a superintendente e o gerente do Procon, vejam só, praticaram ato de improbidade. Surreal.

 

A presidente do Sindepol protesta: “a conduta do promotor é incoerente com a função do próprio Ministério Público, que atua na defesa do consumidor. Tanto que o Procon e a Decon recebem mensalmente dezenas de requisições do Ministério Público do Consumidor determinando operações de fiscalização e instauração de inquéritos por práticas de abuso da parte de determinados postos de gasolina”.

 

O Sindepol diz que o mandado de segurança contra Krebs visa sustar uma grave ameaça não apenas à delegada Darlene Araújo, superintendente do Procon, como também à toda comunidade, “por ensejar o enfraquecimento este órgão constituído para defender os consumidores goianos”. 

COMPARTILHE:

Notícias Relacionadas

Goiás 10/10/2017 Nelto espalha fake news para atrapalhar José Eliton

Na contramão de quem combate a repercussão de falsas notícias, Nelto se apropria da prática para tentar tumultuar o processo pré-eleitoral.

Goiás 10/10/2017 Deu na Veja: Caiado seduziu Adib com carona de jatinho

Veja ironizou nesta sexta-feira, 20, a escolha do prefeito emedebista de Catalão, Adib Elias, para a coordenação da campanha de Caiado.

Goiás 10/10/2017 Adversários criticam Bolsonaro por comportamento a Goiânia

Marina Silva (Rede) disse que, como mãe e professora, ficou estarrecida ao ver Bolsonaro ensinar criança a fazer gesto de arma com as mãos.

Goiás 10/10/2017 Diretores da Fetaeg e famílias assentadas declaram apoio a Ícaro Braga

Assentados e famílias de agricultores familiares de mais de 30 municípios apoiarão Ícaro Braga (Solidariedade) para deputado estadual.

INSCREVA-SE

Cadastre seu e-mail e fique por dentro de todas as notícias do Brasil e do mundo com publicações realizadas pelos melhores jornalistas do Brasil. A plataforma inteligente do GBrasil oferece o melhor do conteúdo jornalístico exclusivo para você.

ENVIAR
Obrigado por se inscrever em nosso site. Aguarde novidades!
ACOMPANHE AS NOSSAS REDES
  • Show da Manhã - Jovem Pan-GO