Mato Grosso

Ensino superior a distância em unidade prisional de MT será o primeiro no País

POR GBrasil | 09/11/2017
img/noticias/Ensino superior a distância em unidade prisional de MT será o primeiro no País
U

Um projeto de ressocialização, pioneiro no País, começará no próximo mês na Penitenciária Central do Estado, em Cuiabá, a maior unidade do Sistema Penitenciário mato-grossense. É o “Liberdade de Direito e de Fato”, iniciativa educacional piloto que ofertará o curso de bacharelado em Administração Pública, na modalidade a distância, pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), e será desenvolvida totalmente dentro da unidade prisional. Serão selecionados 18 reeducandos da penitenciária por meio de um vestibular especial a ser aplicado pela UFMT.

 

‘’As parcerias são fundamentais para que o Estado consiga efetivar projetos de ressocialização. E este convênio que estamos firmando com a Universidade Federal é a soma de esforços de vários parceiros como o Poder Judiciário, Conselho de Execução Penal, Associação dos Servidores da Penitenciária Central, em que cada um contribuiu um pouco para organizar o espaço, ter o mobiliário e computadores, pagar os monitores para colocar em ação esse curso.

 

E a intenção da Sejudh é fortalecer esses projetos, pois somente por meio do trabalho, da qualificação e da educação é que conseguiremos trabalhar a ressocialização das pessoas privadas de liberdade”, observou o secretário de Justiça, Fausto Freitas durante a assinatura do convênio para a implantação do projeto.

 

O projeto tem o apoio de várias instituições junto com Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), órgão gestor do Sistema Penitenciário estadual. A Sejudh ficou responsável pelo mobiliário da sala de aula na penitenciária, execução do projeto no local, com pedagogas para acompanhamento e seleção dos reeducandos. A Associação dos Servidores da PCE custeou os aparelhos de ar condicionado, impressora e os monitores do projeto. A Fundação Nova Chance ficará responsável pelo pagamento dos professores e a UFMT e Fundação Uniselva pelo material didático virtual e professores. O Conselho de Execução Penal e Poder Judiciário forneceu os livros didáticos e computadores.

 

A reitora da UFMT, professora Myriam Serra, destacou o empenho da equipe técnica da universidade para levar adiante o projeto, que tem apoio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), fundação vinculada ao Ministério da Educação.

TAGS: MT EaD

COMPARTILHE:

Notícias Relacionadas

Mato Grosso 09/11/2017 Dono da Caramuru fecha acordo de delação

Alberto de Souza se comprometeu a explicar fraude que transformou um auto de infração de R$ 65 milhões em multa de R$ 350 mil.

Mato Grosso 09/11/2017 Marconi promove paz no PSDB do Mato Grosso

Principais nomes do PSDB de Mato Grosso, Leitão e Taques vinham se estranhando nos últimos meses. Governador pacificou o conflito.

INSCREVA-SE

Cadastre seu e-mail e fique por dentro de todas as notícias do Brasil e do mundo com publicações realizadas pelos melhores jornalistas do Brasil. A plataforma inteligente do GBrasil oferece o melhor do conteúdo jornalístico exclusivo para você.

ENVIAR
Obrigado por se inscrever em nosso site. Aguarde novidades!
ACOMPANHE AS NOSSAS REDES
  • Show da Manhã - Jovem Pan-GO